quinta-feira, 21 de outubro de 2010

Igreja de Nossa Senhora de Fátima

construção da igreja 
 (foto:http://blogsantuariodefatima.blogspot.com/)


O templo foi construído no ponto mais alto de uma elevação de terra , do que talvez tenha sido uma extensa vegetação.
A idéia de construção da igreja está ligada a visita da imagem peregrina de Nossa Senhora de Fátima que percorreu ários países da Europa e alguns Estados do Brasil.
Em 9 de outubro de 1952, a imagem chegou a Fortaleza. A recepção foi a maior demonstração de fé, jamais vista em terra cearenses. Faixas, ruas enfeitadas, casas ornamentadas com flores, para saudar a Virgem de Fátima em seu trajeto.
A imagem foi levada inicialmente para a Igreja dos Remédios, depois para a de Nossa Senhora da Salete, no Montese. Ficou na cidade até o dia 16 de outubro, quando um incidente interrompeu a peregrinação. Na tarde desse dia houve uma procissão e a benção dos doentes, na Praça José de Alencar, com a presença de cerca de cem mil pessoas.
Ao final da celebração, a imagem caiu e quebrou-se. Os promotores da peregrinação resolveram voltar a Portugal, promotendo voltar no ano seguinte, reiniciando a visita no sul do país e encerrando em Fortaleza.

no ano da construção (foto Eduardo Fontes)

Surgiu então a idéia de construir um santuário para homenagear Nossa Senhora de Fátima quando do retorno a Fortaleza. Contando com valiosas contribuições da população, inclusive de classes mais abastadas, em 28 de dezembro de 1952, após uma missa campal celebrada pelo Arcebispo Metropolitano de Fortaleza, Dom Antonio de Almeida Lustosa, foi lançada a pedra fundamental  do novo templo, consagrado a Nossa Senhora de Fátima.
Durante um ano a imagem peregrina percorreu o Brasil, vindo encerrar a visita em Fortaleza, onde ficou exposta no santuário ainda em construção.Na ocasião foi celebrado o Tríduo Nacional de Fátima, durante os dias 14, 15 e 16 de dezembro de 1953, que reuniu em Fortaleza, visitantes do alto clero de vários estados. A solenidade transcorreu na praça fronteiriça, antes um imenso areal.
O Santuário passou à categoria de paróquia, mudando a denominação para Igreja de Nossa Senhora de Fátima em 14 de setembro de 1955. Naquele dia, através do Decreto n° 105. D. Antonio de Almeida Lustosa, foi criada a paróquia, constituida por partes desmembradas dos territórios das paróquias de São João do Tauape, Nossa Senhora da Piedade, Nossa Senhora dos Remédios e Nossa Senhora de Nazaré. O Decreto só entraria em vigor a partir do dia 13 de outubro daquele ano.
A Igreja hoje (foto: blog da jangadeiro online)

Atualmente a Igreja de Fátima promove vários movimentos junto à comunidade do Bairro de Fátima e adjacências, visando a sensibilização dos fiéis, principalmente os mais jovens, para os desafios da época. A Igreja fica na Avenida 13 de Maio, 200, Bairro de Fátima. 

fonte:
as poucos lembradas igrejas de Fortaleza, de Eduardo Fontes

6 comentários:

Lucilene disse...

amei a imagem enorme de n.sra de Fatima!!! sempre que vou em fortaleza, vou sempre na igreja de fatima,pq sou devota dela e ja alcancei muitas graças...que ela nos ilumine!!!

Fátima Maia disse...

Amo esta igreja! A minha filha casou lá em 2008.Foi lindo! Já alcançei diversas graças através da minha fé em N.Sra. de Fátima e sempre estou lá nas missas do dia 13 de cada mes.

Rosilene Mesquita de Deus disse...

Não conhecia a história da nossa igraje tão bem frequentada diariamente e em especial dia 13 de cada mês.
Nossa igreja dedicada a Mãe de jesusn nossa mãe é linda e sua imagem em frente a igraja foi mais uma demonstração de fé do nosso povo.
Amo Nossa Senhora.
Rosilene

Anônimo disse...

Alguém poderia ler o Livro de Jeremias Capítulo 10?

Fátima Garcia disse...

Olá anônimo,
porque você não o lê p/nós?

Blog da família Macedo disse...

Anônimo, a Bíblia está inserida num contexto histórico, e, naquele tempo, estavam-se adorando imagens criadas pelos homens. Eles não adoravam a Deus, mas criavam imagens ao bel prazer e começavam a adorá-las. É nesse contexto histórico que é condenado a adoração à imagens. Eles criavam, por exemplo, imagens de animais e começavam a adorá-las. Contudo, as imagens de Jesus Cristo e da nossa Virgem Maria, por exemplo, podem ser vistas tanto na plataforma material como na plataforma espiritual, a depender de quem os esteja contemplando; se o é muito materialista ou se tem alguma fé desenvolvida. Para aquele, a escuridão reina, porque o corpo é preenchido por escuridão. Para este, ele pode ver luz na imagem fresca de sua memória em constante oração ao Senhor, nosso Deus. Isso porque Deus está em todas as coisas e não há nada em que Deus não esteja. Você pode tirar o exemplo de São Francisco de Assis, que tinha essa fé bem consolidada. Aquilo que tem relação com Ele, em memória e constante lembrança Dele, é querido por nós. Qual a imagem que lhe vem à mente quando você ouve falar em Jesus Cristo, por exemplo? Um vazio? E não é a sua própria carne já morta? Por que a adora então? Muito melhor não seria adorar a carne do filho do Homem, que é carne viva? Idolatria também tem outro significado, que eu considero inclusive mais importante: adoração a qualquer coisa mundana em vez de adorar a Deus e as coisas relacionadas a Ele. Por exemplo, se o centro da sua vida é o dinheiro, ou o sexo, ou mesmo a família, e não Deus, isso é idolatria. Além do mais, por que criticar a fé do irmão? Todos estão em constante evolução. Você se acha muito sábio? Quando você tem esse sentimento, quer dizer que você está se esforçando em construir a sua morada no inferno. Porque assim como no reino celestial há muitas casas, no reino infernal, também não faltará onde lhe acolher. Retire todos os mantos do orgulho e fique nu perante Deus, pois Deus não gosta dos orgulhosos. Logo Ele irá lhe conceder Sua misericórdia quebrando o seu maldito orgulho e você estará pronto a não mais discutir detalhes mesquinhos e sim se revestir da bondade e da vontade em ajudar todos os irmãos independente da religião. Só há uma religião, o amor a Deus. Imagine, por agora, se sua religião está dando bons frutos. Tenha fé em Deus, mas não deixe de ter fé na humanidade. Se falta a fé em uma dessas coisas, a fé não é boa, só gerando conflitos e discórdias entre os irmãos. Como podemos nos destinar ao Reino do céu se o nosso coração é duro feito pedra? Estou farto d fanáticos, por favor não seja um. Quebre o seu orgulho que Deus vai lhe pôr no lugar mais exaltado.