terça-feira, 6 de novembro de 2012

Bairro Meireles



O bairro do Meireles surgiu basicamente depois da construção da Avenida Beira Mar, em 1963, contíguo ao bairro da Aldeota e situado junto à orla. A partir dos anos 1990, novos elementos passaram a interferir na dinâmica urbana da faixa litorânea. Além da especulação imobiliária, Fortaleza virou alvo de consideráveis investimentos turísticos. Isso aconteceu pela aplicação do capital privado, com a instalação de hotéis, restaurantes e parques aquáticos, ou pela ação do Estado, no sentido de criar uma infraestrutura capaz de atrair turistas e vender a imagem de uma cidade atraente. Nesse aspecto, nenhum bairro foi tão beneficiado quanto o Meireles, considerado um dos bairros de melhor qualidade de vida de Fortaleza.


Segundo dados da Secretaria Executiva Regional II, o Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) do Meireles é de 0,916, número superior ao dos Estados Unidos, que é de 0,902 (um dos maiores do mundo);
A orla marítima do bairro se estende da Praia de Iracema ao Mucuripe e compreende em sua extensão o metro quadrado mais caro de Fortaleza (cerca de R$ 7 mil).
A renda média por pessoa equivalente a R$ 3,6 mil, corresponde a quase seis vezes o salário mínimo regional;
Nada menos que 99,5% dos domicílios são atendidos por rede de esgoto e mais de 96% das moradias da área têm acesso à rede de água tratada.


Em relação à geração de renda, podem ser encontradas no Meireles várias lojas, centros comerciais e hotéis de grande porte, restaurantes de alto padrão, agências bancárias, estabelecimentos de diversão e lazer, e todo tipo de serviços turísticos,  já que o bairro também inclui em seus limites as avenidas Dom Luiz e Beira-Mar, esta, o principal corredor turístico de Fortaleza.


Os imóveis localizados no Meireles são alugados rapidamente, apesar de custarem mais caros em relação aos outros bairros. Muita gente ainda quer morar perto da praia, fator que contribui para o maior preço nessa região. Atualmente, o valor médio do aluguel de um apartamento de 70 m² a 80m² gira em torno de R$ 1.800,00", afirma a diretora Comercial da SJ Imobiliária, Lídia Vieira. 


No entanto, isto não significa que seja um bairro homogêneo em relação à classe social.  O bairro chique, que conta com mais equipamentos, e os melhores serviços, também tem suas contradições, representadas pelo abismo social existente entre os moradores dos luxuosos edifícios e os moradores dos becos e vielas, que estão ali, dividindo o mesmo espaço.



Apesar do empenho do poder público em embelezar o bairro, há muitas reclamações por parte dos moradores, as principais são que, em muitos locais, o lixo se amontoa nas calçadas, não há fiscalização sobre a circulação das bicicletas e patinadores na orla, e a reforma do calçadão, que a Prefeitura tomou por concluída, está incompleta e malfeita


Localização:  entre os bairros Praia de Iracema, Aldeota, Mucuripe e Varjota.
Área: 2.528m²
Limites:
Norte – Oceano Atlântico
Leste – Rua Frei Mansueto
Sul – Avenida Dom Luiz e Rua Pereira Filgueiras
Oeste – Rua Dr. João Cordeiro
População – 36.982 habitantes, 
sendo 16.171 homens e 20.811 mulheres



Com relação à segurança pública, o bairro não apresenta nenhum diferencial em relação ao ao restante da cidade. A área dos condomínios é repleta de seguranças particulares,  exercendo funções que são da competência exclusiva do Estado;  as áreas públicas contam com policiamento ostensivo e insuficiente. Há na Avenida Beira Mar a presença constante de meninos e adolescentes, praticando furtos, inúmeros pedintes, além dos inconvenientes "flanelinhas".  


O Campo do América é um "espaço de resistência" dentro do bairro e a principal opção de lazer dos moradores menos favorecidos. Também pode ser considerado uma ilha em meio a um mar de concreto: localizado numa das áreas com o metro quadrado mais caro de Fortaleza, resistiu ao tempo e hoje é o único campo que resta na região. Fica entre as Ruas José Vilar, Nunes Valente, Pereira Filgueiras e Tenente Benévolo, a duas quadras da Avenida Barão de Studart.
Embora conhecido como Campo do América desde os anos 60, nunca foi do clube. Na época, o América trocou seu campo, localizado entre as ruas Tibúrcio Cavalcante, Oswaldo Cruz, Tenente Benévolo e Pereira Filgueiras, na Aldeota, pelo terreno na Avenida Dom Manuel, no centro, onde construiria sua sede, vendida em 1991 para quitar dívidas.
Como a comunidade ficou sem campo, que cedeu espaço para residências, o nome foi incorporado. O primeiro nome desse campo foi Vargas Filho, um conhecido time de futsal. Só com o fim do primeiro campo do América  é que passou a ser usado. Naquela época o campo ficava cerca de um metro acima do nível da rua. 

fotos: Fátima Garcia
pesquisa:
Fortaleza, uma breve história, de Artur Bruno e Airton de farias
Jornal Diário do Nordeste
Revista Fortaleza
IBGE 

Um comentário:

JoãoDamasceno disse...

Excelente, porém, quem foi o Dr. Meireles em si (que deu nome ao bairro).